domingo, dezembro 31, 2017

Fui-te espreitar (de longe) FUNCHALinho


Fui espreitar-te ali à Matinha, FUNCHALinho. De longe, que não estou em maré de tristezas e é muito triste ter de contemplar a tua decadência e imobilismo depois de três anos parado, cada vez mais esquecido a cada dia que passa. 
Continuas lindo, o mais bonito navio de passageiros do mundo, aí parado frio, lágrimas de ferrugem escondidas a marcar uma quase morte lenta. De qualquer das formas vais continuar aí mais algum tempo, e em 2018 farás 57 anos de uma vida cheia de mar sob a tua quilha tão resistente. E vais persistir no sentido de continuares a existir. 
Desculpa o abandono, estás refém de um fenómeno ignorado mas persistentemente real chamado desmaritimização, encalhaste numa poça de gente sem alma nem cheiro a  mar nem nada que se possa dizer de bom. E continuas aí, FUNCHALinho, de braço dado ao ARION travestido de PORTO, que simbolicamente não foi a porto nenhum com a nova designação. Triste situação que me faz disparar tantas perguntas: 
- Para onde foi o dinheiro gasto no projecto de revitalização da frota da CIC?
- Não há ninguém em Portugal que seja capaz de pegar nestes navios ?  
...(e no ATHENA, travestido de ASTORIA no Cais da Pedra), pegar neles, resgatar os três, que estão em saldo, o Montepio terá de se contentar com umas moedinhas, que tanta incompetência não merece mais e isso será melhor que esperar que qualquer dia repitas a sorte do teu irmão PONTA DELGADA há uns anos, rio abaixo, e te afundes e depois, então os imbecis cá da praça terão de gastar algum para te fazer desaparecer das suas consciências falsas e das nossas vistas. 
Boa sorte para 2018, FUNCHAL, és um navio lindo, és a Marinha Mercante que resta de tudo o que se repudiou. Só não digo os palavrões que me vão na mente agora para não te agredir, lindo FUNCHAL. Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia

Sem comentários: